É moderno, é online, mas…. tente mais tarde!

Tempos modernos, tecnologia a todo vapor e o mundo digital cada vez mais dominando todos os setores das vidas públicas e privadas. Conclusão: facilidade total para o cidadão agendar serviços, como conseguir documentos. Certo? Não. Os serviços online não têm facilitado em nada a vida dos brasileiros, que, muitas vezes, só conseguem resolver as questões presencialmente nos órgãos públicos.
O procedimento para quem precisa de uma nova Carteira de Trabalho, por exemplo, não deve mais o de ir diretamente ao Ministério do Trabalho. A regra agora é entrar no site do órgão e agendar. As pessoas até tentam… Mas quem disse que alguma data disponível – em várias localidades em que é possível emitir o documento – aparece no famigerado site? O site dá a previsão da próxima data disponível e possíveis vagas. Mas quando o cidadão entra na citada data as vagas já estão esgotadas. E assim passam-se semanas de tentativas infrutíferas e nada é resolvido.
E o que falar do sistema de agendamento de castração gratuita de animais da Prefeitura do Rio, implantando em agosto, em que muitos donos de pets tentam agendar o serviço sem sucesso? O fotógrafo Alexandre Sodré ligava há um ano e meio sem resultado para marcar o serviço para a cadelinha Mabel. Tenta agora via online e só se depara com a mensagem de que “não há vagas disponíveis no momento” repetidas vezes. Acabou sendo até bloqueado nas redes sociais da Subsecretaria Municipal de Bem-Estar Animal. A informação no site é que há apenas uma vaga por mês, mas a subsecretaria garante que são 2.300 vagas mensais e a inscrição pode ser feita presencialmente.
Ou seja: de que adianta tanta tecnologia, se o suporte é insuficiente para dar conta da demanda? Haja paciência!

pt Português
X
EDITORIAS