Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Valdir Espinosa morre aos 72 anos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

Coordenador técnico do Botafogo,Valdir Espinosa, or técnico do Botafogo, morreu aos 72 anos, na manhã desta quinta-feira (27). O ex-treinador estava internado em um hospital no Rio de Janeiro para tratar uma infecção intestinal causada por complicações pós-operatórias.

O Gaúcho, era figura marcante do Botafogo e uma carreira de vitórias, enquanto treinador. Conquistando mais de 15 títulos, com destaque para a Libertadores e Mundial de Clubes com o Grêmio em 1983.

Técnico conhecido por tirar o jejum de 21 anos do Glorioso, com os títulos da Taça Rio e Carioca em 1989. Nesta temporada, Valdir tinha o cargo gerente de futebol no clube carioca.

O Botafogo abriu o Salão Nobre de General Severiano para o velório do ídolo das 15 às 22 horas desta quinta-feira.

morreu aos 72 anos, na manhã desta quinta-feira (27). O ex-treinador estava internado em um hospital no Rio de Janeiro para tratar uma infecção intestinal causada por complicações pós-operatórias.

O Gaúcho, era figura marcante do Botafogo e uma carreira de vitórias, enquanto treinador. Conquistando mais de 15 títulos, com destaque para a Libertadores e Mundial de Clubes com o Grêmio em 1983.

Técnico conhecido por tirar o jejum de 21 anos do Glorioso, com os títulos da Taça Rio e Carioca em 1989. Nesta temporada, Valdir tinha o cargo gerente de futebol no clube carioca.

O Botafogo abriu o Salão Nobre de General Severiano para o velório do ídolo das 15 às 22 horas desta quinta-feira.

pt Português
X
Open chat