Grupo Servidone e Diário do Rio: parceria em doações de alimentos

Thais, moradora do Bairro Delamare, em Engenheiro Pedreira, Japeri, recebeu uma das cestas doadas

Por Franciane Miranda

Dois caminhos que talvez não se cruzassem se não fosse uma das atitudes mais nobres produzidas pelo ser humano: a generosidade. Um, atuando na maior metrópole do país, São Paulo, e o outro em Queimados, na Baixada Fluminense. Brasileiros separados pela distância, mas interligadas por um sistema globalizado de informações. A tecnologia fez a ponte de comunicação entre o ‘pedido’ e a ‘ajuda’, ambos conectados na mesma sintonia: ajudar ao próximo.

De um lado, o Grupo Servidone. Com um olhar social, tem ajudado há anos institutos de apoio sócio cultural a crianças, adolescentes e famílias de baixa renda, com responsabilidade e comprometimento. A empresa, que atua no segmento de assessoria e consultoria empresarial, está no mercado brasileiro desde 1996.

Do outro, a jovem Louraine Rodrigues. Ela, que sempre esteve ligada à ação social, lembra que iniciou com trabalhos solidários na igreja que frequenta, quando começou a ajudar aos mais necessitados que moram próximos de sua casa. Um dia viu uma amiga publicar que havia pessoas precisando de alimentos e logo começou a republicar o pedido. O retorno foi positivo e imediato: os produtos recolhidos das doações foram entregues às famílias das comunidades de Nova Iguaçu e Queimados. “A gente tenta levar essa cesta até ela”, destaca Louraine quando se trata de alguém que mora em outra cidade.

Seu vizinho José também foi um dos contemplados

A solicitação recente feita nas redes sociais pela Louraine, de forma simples, mas verdadeira, foi o suficiente para que o Grupo Servidone se solidarizasse. Mesmo sem a conhecer, a empresa percebeu que a causa era nobre e decidiu entrar em contato com ela. “Uma mensagem direta e nobre e que mereceu nossa atenção, fazendo com que a empresa se prontificasse a ajudar”, destaca a empresa. Ela, além de doar 45 cestas aqui no Rio, em parceria com o Instituto Impactando Gerações, também doou cestas básicas e caixas de bombons nesta Páscoa para 100 famílias na capital paulista.

Louraine conta que várias pessoas participam da ação voluntária e fica comovida como todos se dispõe a ajudar e contribuir. A técnica em contabilidade afirma que durante a pandemia já distribuiu cerca de trezentas cestas e ajudou quase quinhentas famílias. Ela confia que a caridade e o amor ao próximo são fundamentais para o crescimento de todos. “A solidariedade é fundamental para o desenvolvimento de uma comunidade”, disse Louraine. “Estamos aceitando doações, pois doar é um ato de amor”. Ela aproveita para deixar o seu contato aos interessados em compartilhar desse mesmo caminho de solidariedade. Anote aí o seu telefone: (21) 96524-4843.

Servidone e Diário do Rio

O Grupo Servidone e o Diário do Rio se uniram para que os alimentos chegassem ao projeto social da jovem Louraine. O jornal, que também apoia outras ações sociais, reconhece a importância da colaboração das empresas no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. Mesmo o momento sendo complexo para muitos empresários, alguns seguem ao lado da população, prestando assistência e tornando este período menos trágico.

O Grupo Servidone é um bom exemplo disso. O grupo também contribuiu para a compra de matéria-prima usada na confecção de máscaras que serão distribuídas nas comunidades carentes em Guarulhos, região metropolitana paulistana. Para esta ação eles contaram com ajuda de voluntários. Outras 100 cestas básicas foram entregues no Estado mais afetado pela pandemia.

Foto: Divulgação

pt Português
X
EDITORIAS