Bolsonaro diz que Brasil usará vacina de Oxford e não da China

Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) está apostando sucesso dos estudos desenvolvidos pela Universidade de Oxford, no Reino Unido, para a criação de uma vacina contra Covid-19. Em sua live semanal pelas redes sociais, Bolsonaro disse que o Brasil deve usar o produto criado em Oxford, e não “daquele outro país”, possivelmente fazendo referência à China, que também trabalha no desenvolvimento de uma vacina.

A vacina que está sendo desenvolvida pela Universidade de Oxford deve chegar ao Brasil na primeira quinzena de dezembro, segundo o Ministério da Saúde. O Brasil já encomendou 100 milhões de doses do medicamento e a expectativa do governo é que 15 milhões de brasileiros possam ser vacinados até o final deste ano.

.
EDITORIAS