Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização. ©2019 Diário do Rio.

Cedae recebe multa de R$ 1 milhão por vazamento de esgoto

Mudança na coloração e o forte cheiro foram os sinais de alerta para o vazamento. (Foto: Prefeitura do Rio)
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

A prefeitura do Rio de Janeiro informou que a Secretaria de Meio Ambiente multou em R$ 1 milhão a Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae), nesta quinta-feira (18), por vazamento de esgoto no Rio dos Macacos, que desemboca na Lagoa Rodrigo de Freitas, na Zona Sul.

A prefeitura disse que descobriu o vazamento após fazer análises minuciosas da água da Lagoa, em função de uma mudança na coloração, o forte cheiro e a reclamação constante de moradores e frequentadores da área.

Técnicos concluíram que a Cedae vinha executando os serviços de reparo de forma paliativa. (Foto: Prefeitura do Rio)

Conforme a prefeitura, desde o início do ano, a Cedae havia sido notificada duas vezes (dias 14 e 22 de janeiro) para que resolvesse o problema de uma bomba elevatória próxima à comporta que fica na Rua General Garzon, nas imediações da Ilha Piraquê. No entanto, o problema persistiu.

Segundo a prefeitura, técnicos da Coordenadoria de Defesa Ambiental da Secretaria concluíram que a Cedae vinha executando os serviços de forma paliativa, o que impedia a resolução do crime ambiental.

A poluição no Rio dos Macacos, diz a prefeitura, reduz a quantidade de oxigênio na Lagoa, num momento de altas temperaturas e poucas chuvas, o que torna o equilíbrio do ecossistema ainda mais difícil, elevando o risco de morte de peixes.

A Cedae ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Multa foi por despejo de esgoto no Rio dos Macacos. (Foto: Prefeitura do Rio)

 

pt Português
X
Open chat