Categorias
Alessandro Monteiro | Circuito Carioca Colunas Destaque

“Os Balés Russos e as Transformações na Visualidade da Cena” é o tema da Campanha #AulaEmCasa do Theatro Municipal do Rio de Janeiro

Na próxima segunda-feira, dia 19 de outubro, a Campanha #AulaEmCasa vai receber, com o patrocínio Ouro Vale e Petrobras, a cenógrafa e figurinista Desirée Bastos. Mestre em Artes Visuais pelo Programa de Pós-graduação em Artes Visuais da Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro e professora do curso de Artes Cênicas da Escola de Belas Artes/UFRJ, Desirée vai abordar os conceitos de visualidade da cena desenvolvidos na participação das vanguardas artísticas do século XX através dos Balés Russos. Também vai falar sobre os desdobramentos desses movimentos no Brasil e na obra de outros artistas da cena. A live começa às 14h, no Instagram (@theatromunicipalrj). Amplie o seu conhecimento assistindo a Campanha # AulaEmCasa.

Categorias
Alessandro Monteiro | Circuito Carioca Colunas Destaque

Barra da Tijuca ganha novo point de música e comida boa!

Na semana passada, estive circulando pela Olegário Maciel, uma conhecida rua da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio e encontrei o Salomé. Um novo point do Baixo Barra, que traz a proposta de boteco moderno, inaugurado em fevereiro de 2020.

Para minha alegria, a recepção foi excelente e encontrei ótimas opções de beliscos e comida. A música ao vivo, um dos diferenciais do bar, que possui uma área fechada, com ar-condicionado com palco e excelente para shows.

Croquetes de costela ( Foto: Alessandro Monteiro)

Também é possível encontrar uma área externa bem agradável, ao ar livre, para um papo com amigos e comer um especial croquete de costela, receita exclusiva deles. Após a degustação, a nota foi 9 e garanto, que acompanhado de um bom chopp na caneca zero grau, merece aplausos.

Após uma conversa com o garçom, descobri que existia uma pasta com camarão já considerada pelos clientes, o carro-chefe da casa e imediatamente fiz o pedido, que para minha surpresa, estava incrível.
Desejo vida longa ao Salomé, e recomendo para quem estiver pela Barra. Espaço agradável, comida boa e uma programação musical que atende bem ao público que chegar por lá!

Categorias
Alessandro Monteiro | Circuito Carioca Destaque

Festival carioca “Ilumina Zona Oeste” realiza sua 4º edição de 06 a 08 de novembro e pela primeira vez de forma virtual

O Rio de Janeiro não é somente o terceiro estado mais populoso do país, mas também uma das cidades que mais apresenta diversidade cultural. Dentre seus bairros, a Zona Oeste, é a região mais populosa do Rio, e recebe do dia 06 a 08 de novembro de 2020 a quarta edição do ’Festival Ilumina Zona Oeste’, evento que promove a visibilidade das iniciativas culturais e sociais com a realização de oficinas, debates e apresentações artísticas. A pandemia da COVID-19 fez com que o Instituto Rio, realizador do festival desde 2017, transformasse a quarta edição do evento – que já faz parte do calendário do Rio – em formato virtual, ampliando o acesso para quem nunca pode estar lá pessoalmente e que agora terá a oportunidade de fazer parte desse universo multicultural.

O Ilumina Zona Oeste é uma realização do Instituto Rio em parceria Instituto Phi, e conta ainda com o apoio de diversos artistas e parceiros independentes. Este ano, o Festival foi selecionado no edital da empresa Via Rio, que patrocina o projeto com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura (ISS) por meio da Secretaria Municipal de Cultura do Rio de Janeiro.

Serão ao todo 03 dias dedicados a uma programação intensa de atividades que possuem os objetivos de: fortalecer a rede criativa e dar visibilidade às iniciativas socioculturais da Zona Oeste do Rio.

 

Foto: Ilumina Zona Oeste – Feira de economia criativa(Divulgação)

Conhecer todos esses projetos da Zona Oeste do Rio de Janeiro nos fez ter a certeza de que essas riquezas precisavam ser compartilhadas e reconhecidas por todo mundo, e assim nasceu o Festival, que a cada ano ganha novos parceiros e formatos e esse ano poderá chegar a mais e mais pessoas. “. Explica Luiza Serpa, fundadora do Instituto Phi, criadora e cogestora da iniciativa.

Neste formato virtual, o evento trará cerca de 20 apresentações artísticas das seguintes áreas: música, dança, artes visuais, teatro e literatura, além de oficinas e bate-papos para incentivar a criatividade, as trocas de experiências e a reflexão de todos os participantes.

O Festival esse ano priorizou artistas e projetos “iluminados” e que, em alguma medida, “iluminam” o seu entorno, ou seja, impactam positivamente em seus territórios de origem, utilizando a cultura como ferramenta para colaborar com um Rio socialmente justo e sustentável. O Ilumina é uma oportunidade de integrar a cena sociocultural da maior região da cidade. Um monte de artistas que não se conheciam passam a atuar em rede a partir deste encontro. A Zona Oeste é o pulmão da cultura carioca. O Festival é um canhão de luz e vida, um respiro meio ao caos da pandemia”. Afirma Pablo Ramoz, curador do Festival.

Temas relevantes para o território e seus habitantes, tais como:  sustentabilidade (Os ativos naturais da Zona Oeste do Rio: da Floresta do Camboatá ao Parque da Pedra Branca, do Parque do Mendanha à Baía de Sepetiba), economia criativa, comunicação popular, protagonismo negro, escrita criativa, entre outros farão parte do evento.

As transmissões acontecerão pelas redes sociais do Festival (Facebook, Instagram e Youtube), que este ano ganhou também um site exclusivo, reunindo diversas informações sobre a Zona Oeste e seus principais atores no campo sociocultural. A visão de longo prazo é que se torne uma plataforma para difundir conteúdo e facilitar a criação de redes colaborativas na região.

SERVIÇO: Ilumina Zona Oeste

 Realização: Instituto Rio

Curadoria: Pablo Ramoz

Produção: Motriz Sociocultural

Data: 06 a 08 de novembro

Classificação etária livre

Acesse a programação no site: www.iluminazonaoeste.org.br

Categorias
Alessandro Monteiro | Circuito Carioca Destaque

Novo podcast apresenta ideias de intelectuais renomados e polêmicos

O podcast “No Alvo com Eron Falbo”,  já trouxe vários entrevistados polêmicos, como uma ex-modelo de propaganda da cervejaria Brahma que se tornou guerrilheira voluntária na Síria e o renomado intelectual e presidente da Biblioteca Nacional, Rafael Nogueira.

Ativistas, intelectuais, políticos e grandes empresários brasileiros já foram convidados do programa. Com um crescente número de seguidores, que participam enviando suas perguntas, Eron está rapidamente se tornando referência no mundo de podcasts e lives de instagram.

Neste mês de outubro, Eron entrevistou Massimo Pigliucci ,detentor de quatro doutorados e considerado o maior especialista em estoicismo do mundo. Eron também conversou com Bruno Logan, autoridade em dependência química, sobre o polêmico assunto da legalização das drogas.

Uma conversa extrovertida acontecerá com o mixologista Marco de La Roche, que criou tendência em São Paulo, sobre a arte de fazer drinques em casa na pandemia no próximo 20 de outubro às 21h.

Eron Falbo se espelha em podcasts intelectuais, como o do comediante stand-up americano Joe Rogan e do psicólogo canadense Jordan B. Peterson. As conversas são sutis, cheias de humor, porém inspiradoras e profundas.

Encontre No Alvo com Eron Falbo em todos os maiores fornecedores de podcasts, como Spotify, Google e iTunes.

 

Categorias
Destaque Rio

Cristo Redentor recebe a iluminação cor de rosa – cor universal da luta contra o câncer de mama

Estamos vivendo um ano atípico, mas a causa do câncer de mama não pode ser esquecida. Para lembrar aos brasileiros que essa é uma doença que não faz quarentena e não espera, a Fundação Laço Rosa iluminou, na noite desta quinta-feira, o dia 1º de outubro, o Cristo Redentor, abrindo a programação do Outubro Rosa 2020. A instituição é reconhecida nacionalmente pelo seu empenho contínuo para diminuir as desigualdades de acesso e tratamento do câncer. Como nesta edição não será possível reunir presencialmente no monumento as pacientes em tratamento, o evento contará com uma ação online pelas plataformas da Laço, cujo tema este ano é #DoarSalva! Além de uma cerimônia que teve por objetivo celebrar a vida e renovar a fé, a apresentadora Ana Furtado, que recentemente venceu a doença e passou pelo tratamento, esteve presente no monumento e foi a madrinha da campanha pela Fundação Laço Rosa neste ano.

Adriane Galisteu Foto: Mariama Prieto

Uma live musical pós-iluminação aconteceu logo em seguida diretamente do terraço do hotel Fasano, em Ipanema – de lá é possível avistar o Cristo -, com um show da cantora Maria Rita e apresentação de Adriane Galisteu. Foi uma noite calorosa. Maria Rita cantou músicas do repertório de sua mãe, Elis Regina. A cantora também contou que uma de suas melhores amigas teve câncer de mama e dividiu ali momentos que emocionaram a todos. Foi a primeira vez na história do hotel Fasano, que a icônica piscina de borda infinita deles ficou totalmente rosa, e permanecerá durante todo o mês de outubro. A live contou ainda com a participação em depoimento de famosas como Adriana Esteves, Cláudia Raia, Fernanda Motta, Ingrid Guimarães, Flávia Alessandra, Maria Fernanda Cândido, Sheron Menezzes e Heloísa Périssé. Vinícius Belo foi o relações públicas responsável pelo evento.

Daniela Oscar (Vice Presidente Laço Rosa), Ana Furtado (Madrinha), Marcelle Medeiros (Presidente Laço Rosa). Credito Daniel Enbending

“A pandemia escancarou a fratura exposta que vivemos diariamente na saúde brasileira e acordou a sociedade para a importância do terceiro setor no dia a dia do país. Nunca antes na história do Brasil tivemos tantas doações financeiras ajudando as pontas mais vulneráveis e esse é um movimento que não tem mais volta. Doar precisa estar na cultura da população porque vimos que #doarsalva. Por isso lançamos esse movimento e convidamos todos que puderem para doar e arrastar outras pessoas pelo exemplo. Também lançamos o “selo rosa” para as empresas comprometidas com a Laço Rosa. O câncer não vai esperar a COVID passar e os números que já eram feios, agora são mais alarmantes. Mais do que nunca, é necessário e urgente que todos ajudem a salvar vidas!”, alerta Marcelle Medeiros, presidente da Fundação Laço Rosa.

Maria Rita. Credito Mariama Prieto
Categorias
Cultura Destaque

“Como Ela Faz?”

Contando a história de 12 mulheres brasileiras muito especiais, o filme “Como Ela Faz?” conquistou mais um prêmio neste fim de semana – o de melhor curta-metragem estrangeiro, no Hollywood Women’s International Film Festival.

Patrocinado pela PwC Brasil, por meio da Lei de Incentivo do Audiovisual, o filme mostra um dia na vida de 12 mulheres brasileiras, de diferentes profissões, com foco na equidade de gênero, participação no mercado de trabalho e seus muitos desdobramentos. Entre os depoimentos, a obra traz as experiências de uma astrônoma, de uma agricultora, de uma economista, uma mulher trans, uma mulher indígena, uma diarista e uma professora da educação básica, além de políticas, artistas e atletas brasileiras.

Categorias
Destaque Notícias do Jornal

Eleições 2020 – 14 candidatos e até agora poucas opções

Por Alessandro Monteiro

Uma cidade que clama pelos benefícios básicos de sobrevivência tais como: Educação, Saúde e Segurança, o Rio de Janeiro vive o câncer da corrupção e o desleixo público. Abandonada, suja e cheia de mazelas, a cidade nada e morre na mesma praia que é cenário de cartão postal mundo a fora.

Setembro quase indo e na última semana, os partidos anunciaram listagem de seus candidatos. Até o fechamento desta edição, já tinham sido anunciados 14 candidatos. Diante de toda situação vivenciada nos últimos dias, é difícil acreditar de fato, numa boa vontade. Parece mesmo, é que todos querem morder um pouquinho a máquina pública.

Analisando a vida pública de cada um, dificilmente conseguimos encontrar algo positivo que venha agregar soluções práticas à cidade. Nos discursos ainda não oficiais nas redes sociais, cada qual, tenta vender seu peixe, com soluções milagrosas que irão gerar efeito zero, no caos que vivemos.

Numa retrospectiva rápida, o filme se repete e lá na frente, as legendas se misturam diante dos acordos que sempre geram algum tipo de vantagem aos envolvidos. Hoje vivemos um histórico de corrupção, que coloca cidadãos e trabalhadores da cidade quase beirando o estado de miséria.

Impossível acreditar ainda que dentre os 14, embora alguns tenham uma boa presença dentro daquilo que se comprometeram realizar em suas atividades, outros tem a ficha carimbada por crimes de responsabilidade, desvio de verba pública, corrupção, licitações e muita lavagem de dinheiro. O fato é que não temos opção de voto, de mudança e libertação para uma cidade que um dia foi chamada de maravilhosa.

Nas próximas edições, vamos trazer o perfil individual de cada um, suas trajetórias e propostas de governo, para que o leitor conseguia ter um pouco mais de conhecimento sobre que rumo tomar, nas eleições 2020, que em razão da pandemia, terá o primeiro turno em 15 de novembro, e o segundo, 29 de novembro.

Conheça os pré-candidatos à Prefeitura do Rio

 

Marcelo Crivella (Republicanos)

Engenheiro e atual prefeito do Rio. Já sofreu dois pedidos de impeachment por denúncias de corrupção, lavagem de dinheiro e beneficiar políticos ligados a Igreja Universal do Reino de Deus. No último dia 20, foi julgado pelo TRE, porém o julgamento foi interrompido no final e adiado para o próximo dia 24, para que seja definido o destino de Marcelo Crivella. Cinco desembargadores acompanharam o voto do desembargador relator, Cláudio Dell’Orto na votação para tornar Crivella Inelegível pelos próximos seis anos.

Martha Rocha (PDT)

Delegada aposentada, fraca na política e teve seu nome associado aos esquemas de Sérgio Cabral, por ter sido chefe da Polícia Civil.

Renata Souza (PSOL)

Militante da esquerda, com baixa popularidade, meses atrás, realizou um abaixo-assinado pedindo que Marcelo Freixo reconsiderasse a desistência de disputar a Prefeitura do Rio.

Eduardo Paes (DEM)

Foi prefeito de 2009 até 2017 e virou réu por lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e forte esquema de caixa dois.

Luiz Lima (PSL)

Outro sem expressão, bolsonarista que tenta pegar carona ao nome do presidente. Mas atualmente, vem confrontando a família de Bolsonaro.

Eduardo Bandeira de Mello (Rede)

Ex-presidente do Flamengo, com boa gestão no clube, mas teve o nome associado às mortes dos jovens no Ninho do Urubu.

Glória Heloíza (PSC)

Ex-juíza, muito ligada ao carnaval, religiosa, mas já teve seu nome comprometido pelo uso da religião ou pelo que seria desapreço à adoção, com uma tendência por manter crianças com a família biológica.

Clarissa Garotinho (PROS)

Conhecida pelo temperamento explosivo, é filha de Garotinho e Rosinha, ambos envolvidos em escândalos e corrupção, prisões, superfaturamento e forte envolvimento com a Odebrecht.

Fred Luz (Novo)

Ex-CEO do Flamengo, deve usar a máquina do Flamengo para impulsionar a campanha, apesar à inexperiência política e baixa popularidade.

Paulo Messina (MDB)

Ex-secretário da Casa Civil de Crivella, ele sustenta que tem experiência administrativa e que não há investigações contra ele no suposto esquema de corrupção na prefeitura.

Benedita da Silva (PT)

Como deputada, tem histórico de pouca atuação e tida como esquenta cadeira, apesar do apoio conquistado com o Pc do B, tem imagem desgastada por associação ao PT e a fragilidade do partido.

 Cyro Garcia (PSTU)

Bancário e professor universitário foi dirigente do Sindicato dos Bancários e presidente da entidade por dois anos.  Até o momento, não possui arranhões políticos.

Cristiane Brasil (PTB)

Ex-deputada federal, filha de Roberto Jefferson, ambos conhecidos e com trajetória política envolvida em escândalos, a candidata está presa desde o dia 11 de setembro sob acusação de receber propina em dinheiro. No último dia 21, o PTB desistiu da sua candidatura, porém, a Lei da Ficha Limpa só prevê a proibição para condenados por órgão do colegiado, o que não é o caso dela. Até o fechamento desta edição, não houve nenhum comunicado de desistência por parte, de Cristiane.

Henrique Simonard (PCO)

É integrante do Comitê Central do Partido da Causa Operária (PCO), é coordenador da Aliança da Juventude Revolucionária. Conhecido também por seu temperamento, forte, explosivo e bastante revolucionário.

Suêd Haidar (PMB)

É presidente nacional do Partido da Mulher Brasileira (PMB), maranhense de 61 anos, mudou para o Rio de Janeiro no final dos anos 1970. Nas últimas eleições, ela foi candidata à deputada federal pelo estado do Rio, obtendo 5.279.

Categorias
TV & Famosos

“Fui errada e preciso melhorar”, diz Marília Mendonça ao se desculpar após fala transfóbica

A cantora Marília Mendonça, 25, teve de ir às redes sociais na manhã desta segunda-feira (10) para pedir desculpas por um comentário rotulado como transfóbico por parte dos seguidores. Em sua live no último sábado (8), ela fez uma piada sobre a ida de um colega músico a uma boate LGBT.

Na ocasião, deu a entender que ele teria ido se encontrar com uma possível mulher trans. “Ele disse que lá foi o lugar em que ele beijou a mulher mais bonita da vida dele. É só isso. O contexto vocês não vão saber”, disse ela para a risada da banda toda. “Era mulher mesmo”, respondeu o músico que teria ido ao local.

No Twitter, Marília se desculpou. “Pessoal, aceito que fui errada e que preciso melhorar. Mil perdões. De todo o coração. Aprenderei com meus erros. Não me justificarei”, escreveu ela, que não vai mais comentar o tema.

Na internet, muita gente se sentiu ofendida com o comentário. “Marília Mendonça sendo transfóbica. Se o conhecido dela foi e beijou uma trans, fez muito bem”, disse um seguidor. “Até quando o ato de se relacionar com uma trans vai ser piada?”, indagou outro.

 

Categorias
Entrevistas

Fabiano Barcellos: médico que virou escritor e ensina empreendedorismo online

Há sete anos, o médico cardiologista, Fabiano Barcellos não faz mais da medicina a sua principal fonte de renda. Desde 2016, ele só realiza atendimentos populares, em que os pacientes pagam um valor que é suficiente para que honre o aluguel do consultório.

Barcellos queria ter mais tempo livre e começou a trabalhar com marketing de relacionamento e vendas online. Em dezembro de 2019, lançou o livro “Coragem para vencer”, com o objetivo de ajudar pessoas a transformarem suas vidas. Na semana do lançamento, o livro ficou em quarto lugar entre os dez mais vendidos sobre autoajuda.

Desde o início da pandemia, Fabiano Barcellos está fazendo lives em seu instagram (@fabianobarcellos) sobre temas variados e com especialistas e artistas, como as atrizes Mariana Molina e Susana Alves, o ator Raul Gazolla, a ex-miss Brasil, Débora Lyra, a apresentadora Dani Monteiro, a ginasta Danielle Hypólito, o autor de best-seller, palestrante e empresário Edgar Ueda, a coach de emagrecimento, Carol Ferrera, entre outros.

“A ideia de fazer as lives era para ajudar as pessoas nesse momento difícil que vivemos: depressão, redução de salário, conviver mais tempo com os familiares. Então, tento ajudar a se manterem ativo e aproveitar o tempo livre, entre outros temas. Acabaram surgindo convites para palestras que serão realizadas quando tudo se normalizar”, diz Fabiano.

Para o empreendedor e autor, é preciso pensar fora da caixinha. Fabiano dá dicas para os que querem Empreender não se abaterem com qualquer desânimo e fraqueza e encontrarem forças para seguir em frente com os seus planos:

1-    Para enfrentar o que estamos vivendo, precisa de muita coragem, mas não só pelo confinamento e dúvidas, mas também para o autoconhecimento. Ter tempo para si, se conhecer melhor, escutar mais o próprio eu não sou fácil para muitos. Porém, renovador e fundamental para a próxima fase. Nesse momento precisamos dar mais atenção à comunicação interna e isso de simples não tem nada, precisa de muita coragem.

2 – Todo mundo tem problemas e passa por fases difíceis. Os dias complicados fazem parte da vida e felizmente são eles que nos permitem mudar, aprender e evoluir. Não adianta esperar os problemas diminuírem, a sua vida continuará sendo a mesma. Pare de esperar as coisas mudarem para você mudar em si aquilo que precisa!

3 – Se a sua intenção é fazer algo novo e fora do comum e do esperado pelas pessoas, esteja preparado para ouvir críticas bem e mal-intencionadas para que possa seguir adiante com seus sonhos.

4 – Se você quer mudar e sonha com um futuro diferente, precisa deixar as crenças negativas de lado e acreditar no seu potencial.

5- As coisas só são difíceis até você torná-las fáceis!

6- Se não fizer nada por você, sua vida continuará sendo a mesma e seus sonhos jamais sairão do papel. Se deseja ser diferente no futuro, comece a traçar a sua mudança hoje, pois só assim você conseguirá alcançar os seus objetivos. Se decidiu muda a sua vida, faça hoje!

7- Saia da sua zona de conforto e dê de cara com a sorte que você acredita que perdeu.

8 – Errar é uma porta de entrada para viver o novo e para não cometer o mesmo erro outra vez. Se você está errando muito, é sinal que você está aprendendo mais do que imagina. Dê uma chance a si mesmo e absorva todo esse aprendizado.

9 – Não seja um obeso mental. Não pense demais e nem aja de menos. Procure um equilíbrio, alinhe seus planos aos seus objetivos. Analisar e pensar é importante, mas não agir é retroceder.

Categorias
Entrevistas

Youtuber Brancoala oferece dicas espertas para aprender novos idiomas

Com mais de 7 milhões de seguidores, Branco, ou “Brancoala”, possui um canal com conteúdo voltado para a família. Atualmente, ele mora nos Estados Unidos com a esposa e os dois filhos. É um papai style, cantor, produtor musical, designer gráfico, youtuber e escritor.

Também passa a maior parte do tempo gravando, editando vídeos, bebendo chimarrão, tocando violão e brincando de “Hot Wheels”. Branco também lançou o livro “Brancoala e Familia”, explicando como é possível reconecta-se com seu propósito de vida aprendendo a alinhar com seus objetivos e sonhos.

Além do conteúdo sobre autoconhecimento, há uma parte dedicada a história da família, como eles começaram a vida em outro país do zero, qual a melhor hora para ter um filho e como os pais de primeira viagem podem lidar com as próprias ansiedades e dúvidas.

O produtor de conteúdo já conheceu diversos países e procura incentivar os filhos pequenos para que aprendam novas línguas.

Dominar um novo idioma pode parecer uma tarefa muito complicada, mas na verdade há formas de facilitar o estudo de uma nova língua. Além dos cursos tradicionais que podem ser feitos online ou presencialmente, existem algumas dicas que podem colaborar com esse processo, melhorando o entendimento de conteúdo falado e escrito, além da conversação.

Brancoala, youtuber e produtor de conteúdo há mais de dez anos, já morou em diferentes países do mundo junto com a sua família e por esse motivo precisou aprender e se adaptar a diversos idiomas. “O inglês sempre foi primordial para toda a família, por isso sempre incentivamos a melhor forma de aprender em casa, além das aulas, é claro. Com isso, eles se acostumam mais facilmente e desenvolvem o aprendizado de forma mais eficiente”.

 

Foto: Reprodiução

Confira as dicas de Branco para aprender novos idiomas:

É importante ler no idioma que quer aprender?

Vale a leitura em qualquer idioma e de qualquer livro que seja, dos mais simples aos mais complexos. Inicialmente, livros infantis podem ajudar a colocar o objetivo em prática, até mesmo quadrinhos valem. Com o passar do tempo, podem ser adicionados romances e livros técnicos à rotina de leitura.

Acompanhar letras de músicas funciona?

Ouvir músicas em inglês ou qualquer outra língua é ótimo, pois ajuda a entender as palavras de forma plena: além do significado, se aprende também a pronúncia.

Sobre séries e filmes legendados?

Qualquer um desses é uma boa opção, especialmente se já existe alguma familiaridade com o que está sendo assistido. Ainda assim, uma boa dica é utilizar animações, uma vez que os diálogos são mais simples.

A moda agora são os podcasts. Ouvir em inglês é bacana?

Essa modalidade de conteúdo tem crescido muito em todos os países. Para começar a aprender o inglês, por exemplo, há bons canais que podem ajudar. Além de canais mais conhecidos, como o New York Times (para quem já tem algum entendimento), há também canais brasileiros como o Inglês Nu e Cru Rádio, com episódios curtos e interessantes.

Quanto ao YouTube?

Além de diversos canais internacionais com os mais diferentes temas, há também opções focadas apenas no aprendizado de novos idiomas, sendo o inglês o mais comum.

Outra tendência são os cursos online. O que acha?

Há muitos cursos disponíveis na internet, sejam pagos ou não, com professores especializados que podem dar mais atenção a pontos de dificuldade. Além disso, uma outra vantagem dessa modalidade é que, por poder ser feito à qualquer hora, pode ser adaptado à rotina do estudante.

E os aplicativos?

Com o celular sempre disponível, é possível dedicar alguns minutos diariamente para entender melhor uma nova língua. Aplicativos de dicionários são uma boa ideia para aumentar o vocabulário. Já aplicativos como o Duolingo, que tem diversas aulas de muitos idiomas ajudam a desenvolver melhores diálogos e novas palavras também.

Para conhecer um pouco mais dessas situações engraçadas e inusitadas pelas quais todos os pais passam, acessem  https://brancoala.com/.

No Youtube, pelo https://www.youtube.com/user/brancoala, canal com mais de 7 milhões de seguidores  e instagram @brancoala, onde mais de 280 mil pessoas recebem diariamente novos conteúdos