Categorias
Destaque Rio

Carnaval 2021: ordem dos desfiles das escolas de samba do Grupo Especial do Rio é definida pela Liesa

 

Se houver vacina contra a covid-19 para todos,  haverá desfile no Sambódromo carioca Sapucaí. Com esse foco, a  Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) definiu na tarde da segunda-feira, 14, a ordem dos desfiles das escolas de samba do grupo especial no carnaval de 2021 que vai ocorrer no domingo (11) e segunda-feira (12) de julho, na Passarela do Samba da Marquês de Sapucaí.

O sorteio aconteceu apenas com a presença dos presidentes das agremiações. No domingo desfilarão Imperatriz Leopoldinense, Mangueira, Salgueiro, São Clemente,  Viradouro e Beija-Flor.

Já na segunda-feira, abrirá o desfile, a Paraíso do Tuiuti, seguida da Portela, Mocidade, Unidos da Tijuca, Grande Rio e Vila Isabel.

De acordo com  o regulamento da Liesa, duas agremiações já tinham suas  posições estabelecidas: a Imperatriz Leopoldinense, campeã do Grupo de Acesso Série A em 2020, que abrirá o espetáculo de domingo, por ter retornado ao Grupo Especial e a Paraíso do Tuiuti, a 11ª. colocada do Grupo Especial em 2020, abrirá os desfiles de segunda-feira.

As duas últimas colocadas no carnaval de 2020, a Estácio de Sá, no 12º lugar, e a União da Ilha do Governador, no 13º lugar, vão desfilar no Grupo de Acesso Série A. Com isso, a Liesa volta a ter 12 escolas concorrendo no carnaval de 2021.

Adiamento à espera da imunização

Por conta da pandemia do novo coronavírus, o carnaval foi transferido de fevereiro para o meio do ano em 2021. A Liesa e as agremiações condicionaram, no entanto, a realização da festa a campanha de imunização contra a covid-19, caso já estejam definidas as condições sanitárias para ocorrer o evento. Há também a discussão de um projeto de lei para estabelecer um feriado no mês de julho

Foto:: ABr