Categorias
Destaque Rio

Profissionais e cidadãos que atuaram na tragédia da Região Serrana de 2011 são homenageados pelo estado

 

Cerimônia em homenagem aos profissionais e cidadãos que participaram do resgate a vítimas e auxiliaram a população durante a tragédia causada pelas chuvas na Região Serrana em janeiro de 2011 foi realizada neste domingo (10), no Quartel do Corpo de Bombeiros de Nova Friburgo. O governador em exercício Cláudio Castro, acompanhou o evento

“A nossa missão é a prevenção. Em agosto do ano passado, determinei a criação do Plano de Contingência para as Chuvas de Verão, que traça protocolos para resposta rápida e integrada a emergências, porque precisamos estar preparados para prevenir tragédias como a que aconteceu há dez anos aqui na Serra. O plano conta com recursos de R$ 280 milhões e beneficia todo o estado. Além disso, vamos investir mais de R$ 500 milhões em contenção de encostas, limpeza de rios e infraestrutura na Região Serrana”, anunciou o governador em exercício.

Três militares que morreram durante suas missões também foram homenageados com uma corbélia de flores: o cabo Flávio Uanderson Rodrigues de Freitas; o 2º sargento Marco Antônio Verly da Conceição; e o cabo Victor Lembo Spinelli.

Governador em exercício homenageou com medalhas profissionais que atuaram no resgate, em 2011

Também foi entregue a Medalha Ordem do Mérito de Defesa Civil para 25 personalidades civis e militares, órgãos e instituições que foram de extrema relevância durante as ações de resposta à tragédia. Serão realizadas outras homenagens em Teresópolis, nesta segunda-feira (11/01), e em Petrópolis, na próxima terça-feira (12/01).

“ Dez anos após o desastre, minhas palavras são marcadas pela reflexão. Na época, o trabalho de resgate dos bombeiros foi incansável. Neste período, evoluímos como profissionais para prevenir novas tragédias desta proporção, com ações como o sistema de alerta e alarme por sirenes, capacitações e a implantação do Centro Estadual de Monitoramento e Alerta de Desastres Natural”, afirmou o secretário de Defesa Civil e comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Leandro Monteiro.

Em memória às vítimas, o governador Cláudio Castro decretou luto oficial em todo Estado do Rio nos dias 10, 11 e 12 de janeiro. Na manhã deste domingo, foi realizado o hasteamento a meio mastro das bandeiras oficiais no Palácio Guanabara, sede do Governo do Estado..

Retomada das obras do Hospital de Oncologia

Durante o evento, o governador anunciou a retomada das obras do Hospital de Oncologia de Nova Friburgo. Localizada no bairro Ponte da Saudade, a unidade estadual vai ser referência no tratamento de câncer na região. Para dar início às intervenções, as secretarias estaduais de Infraestrutura e Obras e de Saúde estão finalizando o projeto.

Foto: Governo o Estado o Rio

Categorias
Destaque Rio

Sede do Governo do Rio será transferida para a Região Serrana 

 

Para marcar os dez anos da tragédia causada pelas chuvas na Região Serrana, o governador em exercício Cláudio Castro decretou nesta quarta-feira (06/01) a transferência provisória da sede do governo para os municípios de Nova Friburgo, Teresópolis e Petrópolis e luto oficial em todo Estado do Rio nos próximos dias 10, 11 e 12.

“Há dez anos, os moradores da Região Serrana sofreram com o maior desastre natural da história do país, e não podemos deixar de relembrar a data. Vamos transferir a sede do governo para ouvir as demandas das prefeituras e da população e definir prioridades de ações para a prevenção a novas tragédias. Em memória às vítimas, vamos celebrar atos ecumênicos. Também iremos homenagear bombeiros que ajudaram a salvar vidas e resgatar as vítimas fatais “, explicou o governador.

As agendas na região começam no próximo domingo (10/01), com um sobrevoo entre as cidades de Friburgo, Petrópolis e Teresópolis. Em Friburgo, o governador e seu secretariado visitam locais simbólicos da tragédia e de obras em andamento. Na segunda-feira (11/01), em Teresópolis, o grupo se reúne com a Associação de Vítimas da Tragédia e participa de encontro com prefeitos e secretários municipais da Serra. Em Petrópolis, na terça-feira (12/01), a comitiva vistoria obras de unidades habitacionais e anuncia melhorias para a região.

Foto: Fotos Públicas

Categorias
Alessandro Monteiro | Circuito Carioca Colunas

Estátua de Ayrton Senna, em Copacabana, ganha máscara em ação de conscientização contra Covid-19

A estátua do tricampeão de Fórmula 1, no Calçadão de Copacabana, na Zona Sul, entrou para o time daqueles que destacam a importância do item na luta contra o coronavírus. A ação é da agência online de viagens Hurb, responsável pela colocação da estátua de 330 quilos de bronze e com 1,76 metro na praia em dezembro do ano passado. A obra é do artista Mário Pitanguy.

Categorias
Fica a Dica

Cantora Sarah homenageia Beth Carvalho

No dia 5, tem samba da melhor qualidade no Teatro Rival Refit. É o show da cantora Sarah em homenagem à saudosa Beth Carvalho, que ainda vai contar com a participação de Áurea Martins. Cantora de muitas rodas de samba e de casas da Lapa, Sarah acompanhou Neguinho da Beija-Flor e Dona Ivone Lara em turnês, com seu timbre marcante e voz imponente. No roteiro deste tributo a Beth Carvalho, estarão sucessos – como “Folhas secas”, “Alvorada”, “Maior é Deus” e “Meu Guri” – e outras canções garimpadas no repertório da madrinha do samba.

Serviço:

Teatro Rival Refit – Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Centro/Cinelândia – Rio de Janeiro. Data: 05 de março (quinta-feira). Horário: 19h30. Abertura da casa: 18h. Ingressos: R$60 (inteira), R$30 (meia-entrada). Venda antecipada pela Sympla – https://sympla.com.br/teatrorivalrefit Bilheteria: Terça a Sexta das 13h às 21h | Sábados e Feriados das 16h às 22h Censura: 18 anos. https://www.teatrorivalrefit.com.br/. Informações: (21) 2240-9796. Capacidade: 350 pessoas. Metrô/VLT: Estação Cinelândia.

*Meia entrada: Estudante, idosos, professores da rede pública, assinantes O Globo e Funcionário Refit